Snapdragon 750G leva 5G e mais desempenho a celulares intermediários | Celular

0
9

Snapdragon 750G leva 5G e mais desempenho a celulares intermediários | Celular

Créditos:Todos direitos de imagens, vídeos e do texto referente a esse artigo estão no final:

A Qualcomm escolheu esta terça-feira (22) para o anúncio oficial de seu mais novo chip para celulares intermediários premium. O Snapdragon 750G traz suporte a 5G, aprimoramento de recursos baseados em inteligência artificial e otimização para execução de jogos. Compatibilidade com Wi-Fi 6 e Quick Charge 4+ são outros destaques.

O novo chip é um octa-core baseado nos núcleos Kryo 570 de até 2,2 GHz e 8 nanômetros, além de ser acompanhado da GPU Adreno 619. Nas palavras da Qualcomm, esse conjunto faz o Snapdragon 750G ter até 10% mais desempenho gráfico que o Snapdragon 730G (chip equipado com GPU Adreno 618). No processamento, o ganho de performance é de até 20% em relação ao mesmo chip.

Por conta disso, o Snapdragon 750G deve aparecer em smartphones intermediários com apelo gamer (mas não exclusivamente) — o ‘G’ no nome faz alusão a essa proposta. Não é só por conta do desempenho gráfico: o processador faz parte do Snapdragon Elite Gaming, programa da Qualcomm que otimiza jogos com APIs mais eficientes, inteligência artificial e afins.

De acordo com a companhia, a GPU Adreno 19 também permite reprodução de conteúdo em 4K e HDR10. Codecs como H.264 (AVC), H.265 (HEVC) e VP9 são suportados, assim como telas full HD+ em 120 Hz.

Na parte de inteligência artificial, o desempenho do Snapdragon 750G é até 20% superior em relação ao Snapdragon 730G graças à presença da quinta geração do motor de IA da Qualcomm. Esse incremento melhora a integração com assistentes de voz ou a experiência com jogos, por exemplo.

A conectividade 5G é garantida pelo Snapdragon X52, que já aparece em chips como Snapdragon 765 e Snapdragon 765G. Esse modem trabalha tanto com ondas milimétricas (mmWave) quanto com frequências inferiores a 6 GHz (sub-6 GHz).

Qualcomm Snapdragon 750G

Aqui, as taxas de download chegam a 3,7 Gb/s (gigabits por segundo) no 5G e 1,2 Gb/s em LTE; o upload é de 1,6 Gb/s em 5G e 210 Mb/s (megabits por segundo) em LTE. O suporte ao Wi-Fi 6 e ao Bluetooth 5.1 são outros destaques no quesito conectividade.

É claro que compatibilidade com recarga rápida não faltaria. O novo chip funciona com o Quick Charge 4+, tecnologia que permite até 50% de carga da bateria com apenas 15 minutos de tomada (isso depende da capacidade do componente, obviamente).

Os primeiros celulares baseados no Snapdragon 750G serão anunciados até o final de 2020, informa a Qualcomm. O primeiríssimo modelo vai vir das mãos da Xiaomi.

FONTE ORIGINAL

0 0 vote
Deixa sua avaliação aqui
Comentários
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos comentários