Seu Tv Box travou?

Os aparelhos de TV BOX veio para nos oferecer qualidade e comodidade transformando qualquer TV em uma Tv Smart Android.

Mas é comum ocorrer N defeitos nesses aparelhos, só que muitos donos tentam ver vídeos no Youtube para tentar solucionar o problema, e acaba piorando ainda mais o aparelho.

Quando o aparelho chega nas mão s certas, a recuperação é certa, salvo quando ocorre a queima da placa do aparelho, mas se o problema é no software a solução é bem provável.

Em Barretos encontramos um Rapaz chamado Julio, ele nos mostrou que sabe resolver grande parte dos problemas ocasionados no Tv Box, inclusive vende peças e acessórios em Barretos para o aparelho, se você tem na sua casa um aparelho Tv Box parado que não liga, ou até liga mas esta travado na tela inicial, entre em contato com o Julio em Barretos, o contato dele é: (17)98821-4028 Whatsapp. Recuperação por apenas R$50,00 Do sistema operacional.

Tem vaga para programador no mercado, mas só com perfil meio bizarro

Tem vaga para programador no mercado, mas só com perfil meio bizarro

Créditos:Todos direitos de imagens, vídeos e do texto referente a esse artigo estão no final:

Já faz mais de um ano que o mundo virou de cabeça para baixo e todo mundo teve que se adaptar a novas rotinas. Enquanto muitos negócios tiveram dificuldades para se manter ou tiveram que correr para se adaptar, a área de T.I. (tecnologia da informação) foi muito requisitada para criar novas soluções que pudessem manter as empresas.

As empresas que já estavam trabalhando com T.I. também tiveram mais facilidade de se adaptar ao trabalho remoto, principalmente por conta da natureza da atividade que já é feita, em grande parte, de forma remota, ainda que as pessoas estejam lado a lado.

Com isso, a gente vê muita notícia sobre o mercado de trabalho estar “aquecido”, sobre faltarem profissionais, ao mesmo tempo em que vemos quem está ingressando na área com problemas para o seu primeiro emprego.

Eu costumo dizer que a área de T.I. tem uma grande vantagem, que quem está na área não fica muito tempo sem emprego, ainda que não ganhe aquilo que queria. Mas está ficando mais difícil afirmar isso para quem está começando.

Ainda que o mercado esteja aquecido, as empresas querem contratar programadores juniores, mas querem um tipo bizarro de júnior que tenha experiência.

Tentei resumir o problema na tirinha abaixo.

Imagem: André Noel / Vida de Programador

FONTE ORIGINAL

Status online do WhatsApp é alvo de aplicativos para stalkers

Status online do WhatsApp é alvo de aplicativos para stalkers

Créditos:Todos direitos de imagens, vídeos e do texto referente a esse artigo estão no final:

Usuários do WhatsApp podem ser vítimas de stalking devido a uma brecha no mecanismo que exibe o status no mensageiro – isto é, aquele recurso incômodo que avisa quando você está online. Existem aplicativos disponíveis na Play Store que são capazes de monitorar esse recurso, permitindo que terceiros consigam ter uma ideia exata sobre em quais momentos você utilizou o app utilizando apenas o seu número de telefone.

WhatsApp Messenger (Imagem: Saiyed Irfan/Pixabay)

Segundo Matt Boddy, CTO da empresa responsável pelo app de privacidade e segurança Traced, vários desses aplicativos e sites que prometem rastrear o status de usuários do WhatsApp fornecem data e hora exatas de acesso.

Para conseguir realizar o monitoramento, basta que o indivíduo forneça o número da vítima – o software faz todo o resto: formula relatórios, realiza o cruzamento de dados e envia notificações para avisar quando a pessoa está online e quando ela se desconecta.

Rastreador de status online do WhatsApp (Imagem: Reprodução)

Rastreador de status online do WhatsApp (Imagem: Reprodução)

Até o momento, não há nenhuma configuração que você possa fazer no aplicativo para impedir esse tipo de monitoramento (e nem há como saber se alguém está usando essa brecha para monitorar você).

Nos testes do Tecnoblog, mesmo configurando o mensageiro para exibir o “visto por último” para “ninguém”, o status “online” ou “offline” continua sendo público.

Google proíbe apps para rastrear cônjuges e afins

A política da Play Store deixa algumas brechas sobre a presença deste tipo de app espião em sua plataforma. O Google afirma que:

“Formas aceitáveis ​​desses aplicativos podem ser usadas pelos pais para rastrear seus filhos. No entanto, esses aplicativos não podem ser usados ​​para rastrear uma pessoa (um cônjuge, por exemplo) sem seu conhecimento ou permissão, a menos que uma notificação persistente seja exibida enquanto os dados estão sendo transmitidos”.

A questão é a linha tênue entre um app que pode ser usado para controle parental e para stalking. O que, de fato, garante que o mesmo software não possa ser aproveitado nas duas situações? Em todo caso, o Google proíbe o marketing voltado ao uso criminoso (para perseguição de pessoas) – o que não parece ter tanto efeito, na prática.

Um dos aplicativos descobertos pelo CTO da Traced traz os seguintes dizeres na descrição em seu site oficial:

“Se você suspeita de um cônjuge, namorado ou namorada traidor, por exemplo, o rastreador de ‘visto por último no WhatsApp’ do [nome do app] pode ajudá-lo a confirmar se suas suspeitas são verdadeiras ou não.”

Ainda que a Play Store elimine esse tipo de app, há outras ferramentas semelhantes que são sites, e não precisam estar de acordo com as regras da loja do Google. Algumas contam com mecanismos ainda mais complexos, levando o stalking a outro patamar.

Uma delas permite cruzar os dados de status de dois usuários para saber se os indivíduos poderiam estar trocando mensagens no WhatsApp.

Site monitora status online no WhatsApp (Imagem: Reprodução)

Site monitora status online no WhatsApp (Imagem: Reprodução)

Stalking é crime no Brasil

Cabe lembrar que a prática de perseguir alguém (stalking), por qualquer meio, é crime no Brasil quando a ação ameaça a integridade física ou psicológica do indivíduo, restringindo-lhe a capacidade de locomoção ou, de qualquer forma, invadindo ou perturbando sua esfera de liberdade ou privacidade.

A lei foi sancionada no dia 31 de março de 2021, e a pena é de reclusão, de seis meses a dois anos, e multa, com possibilidade de agravamento quando praticada contra crianças, adolescentes ou idosos, e contra mulheres por razões da condição do sexo feminino. A extensão da punição também pode ocorrer caso haja a participação de duas ou mais pessoas e o emprego de armas.

Com informações: Traced

FONTE ORIGINAL

Netflix: Italia Ricci vai estrelar série de ficção científica

Netflix: Italia Ricci vai estrelar série de ficção científica

Créditos:Todos direitos de imagens, vídeos e do texto referente a esse artigo estão no final:

Imagem: ABC/Netflix/Reprodução

A atriz Italia Ricci vai protagonizar a nova série de ficção científica da Netflix. Trata-se de The Imperfects, uma produção desenvolvida pela dupla Dennis Heaton e Shelley Eriksen. Ao que tudo indica, a 1ª temporada contará com 10 episódios.

O elenco de The Imperfects ainda contará com as participações de Morgan Taylor Campbell, Rhianna Jagpal, Iñaki Godoy, Rhys Nicholson, Celina Martin e Kyra Zagorsky. Na trama, três jovens se unem para caçar o cientista responsável por um experimento genético que os transformou em seres imperfeitos.

Italia Ricci vai interpretar a Dra. Sydney Burke, uma cientista brilhante que busca consertar seus erros do passado, tanto profissionais quanto éticos, aliando-se a Abbi (Jagpal), Juan (Godoy) e Tilda (Campbell) para rastrear o cientista responsável por seus terríveis destinos.

(The CW/Reprodução)(The CW/Reprodução)Fonte:  The CW 

Saiba mais sobre os personagens de The Imperfect, nova série de ficção científica da Netflix

Entre o trio principal, está a jovem Tilda Weber, a vocalista líder de uma banda punk que vê seus sonhos se despedaçarem depois de desenvolver uma super audição e um poder vocal destrutivo.

Já Abbi Singh, uma geneticista bastante determinada, desenvolverá feromônios dominantes, enquanto Juan Ruiz, um aspirante a romancista, se transforma em um verdadeiro monstro.

The Imperfects ainda vai contar com outros personagens que parecem agregar muito à trama. É o caso do Dr. Alex Sarkov (Rhys Nicholson), que se recusa a permitir que qualquer pessoa interfira em suas pesquisas sobre a evolução humana, reescrevendo o genoma humano.

Hannah Moore (Celina Martin) aparece como uma outra cobaia do experimento de Sarkov e Isabel Finch (Kyra Zagorsky) surge buscando vingança contra o geneticista ambicioso que lhe causou grandes sofrimentos no passado.

Vamos aguardar por mais novidades!

FONTE ORIGINAL

Apple Music paga o dobro do Spotify por transmissão de música

Apple Music paga o dobro do Spotify por transmissão de música

Créditos:Todos direitos de imagens, vídeos e do texto referente a esse artigo estão no final:

Em um comunicado enviado aos artistas, a Apple Music revelou que paga 1 centavo por transmissão de música. Talvez isso possa não parecer muito, mas é cerca do dobro pago pela plataforma de streaming Spotify. Em alguns momentos a taxa de pagamento da Apple pode cair um pouco abaixo de um centavo por reprodução, porém, segundo o Wall Street Journal, ainda é um valor muito mais alto da média de valores pagos para o artista no Spotify, onde a quantia paga varia entre 0,33 e 0,5 centavos.

Entretanto, embora o Spotify pague menos, sabe-se que a plataforma de streaming tem muito mais assinantes do que o Apple Music. No quarto trimestre de 2020 o Spotify contava com 155 milhões de usuários Premium e 345 milhões de usuários no total (somando contas gratuitas e pagas). Na última vez que a Apple revelou seu número de assinantes no Apple Music, em junho de 2019, havia 60 milhões de pagantes mensais.

Devido ao grande número de usuários e transmissões do Spotify, que é consideravelmente maior que as outras plataformas de streaming, a receita gerada a partir disso é grande. No ano passado, a empresa pagou aproximadamente US$6 bilhões aos artistas.

Os artistas não recebem o pagamento dos serviços de streaming diretamente

Normalmente, os artistas não recebem os pagamentos por reprodução de suas faixas diretamente dos serviços de streaming como o Spotify e o Apple Music. Ao invés disso, esse dinheiro é pago aos detentores dos direitos sobre as músicas e álbuns dos artistas como editoras, gravadoras e distribuidoras. Os artistas e compositores recebem uma parte dos royalties, onde o valor pode variar dependendo dos acordos feitos.

Apple gasta metade da receita gerada pelas assinaturas para as gravadoras

Segundo a Apple, a empresa gasta cerca de 52% da receita gerada pelas assinaturas do Apple Music para pagar as gravadoras. Já o Spotify gasta aproximadamente dois terços de cada dólar de receita para os detentores dos direitos, onde 75-80% vai para as gravadoras.

Artistas e fãs exigem aumento no pagamento feito pelos serviços de streaming

Devido a pandemia de COVID-19, artistas e fãs têm exigido que as plataformas de streaming de música paguem melhor pela reprodução das músicas. Além disso, também há um movimento para que haja mais transparência com a informação sobre os pagamentos dos direitos de reprodução.

O que você achou desta notícia? Comente abaixo e compartilhe conosco a sua opinião!

FONTE ORIGINAL

Bitcoin cai após Turquia proibir pagamentos com criptomoedas – 16/04/2021

Bitcoin cai após Turquia proibir pagamentos com criptomoedas – 16/04/2021

Créditos:Todos direitos de imagens, vídeos e do texto referente a esse artigo estão no final:

Por Ece Toksabay

ANKARA (Reuters) – O bitcoin chegava a cair mais de 4% nesta sexta-feira, após o banco central da Turquia proibir o uso de criptomoedas e ativos criptográficos para compras, citando possíveis danos “irreparáveis” e riscos nas transações.

De acordo com a decisão, as criptomoedas e outros ativos digitais baseados em tecnologia de registro distribuído (DLT, na sigla em inglês) não podem ser usados, direto ou indiretamente, para pagar por bens e serviços.

A decisão pode paralisar o mercado turco de criptomoedas, que ganhou impulso nos últimos meses com investidores aderindo à recuperação global do bitcoin, buscando se proteger contra a queda da lira turca e a inflação que atingiu 16% no mês passado.

O bitcoin caiu 4,6% após a proibição, que foi criticada pelo maior partido turco de oposição. As criptomoedas ethereum e XRP, que tendem a se mover conforme o bitcoin, caíram entre 6% e 12%.

O BC disse que os provedores de serviços de pagamento não serão capazes de desenvolver modelos de negócios que usem ativos criptográficos direta ou indiretamente na prestação de serviços de pagamento e emissão de dinheiro eletrônico.

“Seu uso em pagamentos pode causar perdas irrecuperáveis para as partes nas transações… e inclui elementos que podem minar a confiança nos métodos e instrumentos usados atualmente em pagamentos”, acrescentou o banco.

Nesta semana, a Royal Motors, que distribui carros Rolls-Royce e Lotus na Turquia, se tornou a primeira empresa no país a aceitar pagamentos em criptomoedas.

O principal líder da oposição turca, Kemal Kilicdaroglu, descreveu a lei como mais um caso de “bullying à meia-noite”, referindo-se à decisão do presidente Tayyip Erdogan no mês passado – anunciada em um decreto à meia-noite – de demitir o governador do banco central. 

A legislação entra em vigor em 30 de abril.

Ahmed Faruk Karsli, presidente da empresa turca de sistemas de pagamento Papara, disse que a proibição foi inesperada. “É muito mais fácil decidir banir do que fazer um esforço para lidar com essa tecnologia financeira”, disse à Ekoturk TV.

FONTE ORIGINAL

Microsoft Edge ganha modo infantil que exibe só conteúdo para crianças | Aplicativos e Software

Microsoft Edge ganha modo infantil que exibe só conteúdo para crianças | Aplicativos e Software

Créditos:Todos direitos de imagens, vídeos e do texto referente a esse artigo estão no final:

A Microsoft anunciou, nesta quinta-feira (15), a chegada do modo Kids ao navegador Microsoft Edge. A função promete oferecer maior segurança para a navegação na web, exibindo apenas sites aprovados para o público infantil – o que também deve tranquilizar pais e responsáveis na hora de deixar o computador com as crianças.

Modo Infantil no Microsoft Edge (Imagem: Divulgação/Microsoft)

Como funciona o modo Infantil no Microsoft Edge

O modo Infantil é ativado facilmente: basta clicar na imagem de perfil do Edge e escolher habilitar o recurso, especificando a faixa etária (5 a 8 anos ou 9 a 12 anos). A função ativa a experiência de tela inteira no navegador, o que evita que as crianças menores simplesmente saiam do browser ou usem a versão convencional do aplicativo. Para desabilitar, em tese, é necessário a inclusão do PIN do Windows 10.

No entanto, como aponta o Engadget, há algumas brechas: ao pressionar a tecla Windows, os pequenos ainda podem acessar o Menu Iniciar e a barra de tarefas.

Temas do Modo Infantil do Microsoft Edge (Imagem: Divulgação/Microsoft)

Temas do modo infantil do Microsoft Edge (Imagem: Divulgação/Microsoft)

Além de uma lista de sites pré-aprovados, os usuários podem acessar o Bing (com os filtros mais rígidos de conteúdo). Caso se deparem com um site que gostariam de visitar, mas que está barrado da lista de permissões, os pais podem conceder o acesso digitando o PIN.

O modo Kids permite ainda que as crianças personalizem o navegador com temas da Disney e Pixar, como “A Pequena Sereia” e “Toy Story” e diversas opções de cores. Crianças mais velhas poderão acessar um feed de notícias adequado à faixa etária.

Com informações: Microsoft e Engadget

FONTE ORIGINAL

10 notícias de tecnologia para você começar o dia (16/04)

10 notícias de tecnologia para você começar o dia (16/04)

Créditos:Todos direitos de imagens, vídeos e do texto referente a esse artigo estão no final:

Bom dia! Separamos as principais notícias do mundo da Ciência e Tecnologia para você saber tudo o que aconteceu na última quinta-feira (15). Para conferir cada notícia na íntegra, basta clicar nos links a seguir.

1. Pix pode parar devido ao corte de gastos de Bolsonaro? Para não estourar teto de gastos, governo anunciou cortes orçamentários no Banco Central, no IBGE e no Pronaf.

2. Brecha no WhatsApp permite que ‘stalkers’ saibam com quem você fala. Plataformas aproveitam recurso de status público do mensageiro para coletar informações sobre usuários.

3. Novo avião supersônico fará voo de São Paulo a Paris em 2 horas. O mesmo trajeto com um avião convencional demoraria em torno de 11 horas.

4. Conheça o ‘Fusca elétrico chinês’ inspirado no clássico da VW. Empresa indica que novo modelo é ‘uma máquina do tempo’ e levará proprietários e proprietárias ‘à Era das Princesas’; confira.

5. Jogos free-to-play poderão ser jogados sem Xbox Live Gold em breve. Segundo publicação do Xbox, membros do Omega Insider, os últimos a receberem atualizações, já têm acesso aos jogos free-to-play.

6. Instagram: influencers desrespeitam Ramadan e geram revolta. Entenda a polêmica com as novas figurinhas do Instagram.

7. Demon Slayer: o que vai acontecer na 2ª temporada do anime? No Brasil, Demon Slayer é transmitido pela plataforma de streaming da Netflix.

8. Exclusivo: plataforma brasileira da Volkswagen chegará a 70 países. Central multimídia VW Play será exportada para 70 países e estará disponível em 6 idiomas em breve.

9. Cinzas do vulcão La Soufriere chegam à região norte do Brasil. Os gases oriundos da erupção na ilha caribenha de São Vicente e Granadinas não oferecem perigo para os moradores.

10. Espanhol afirma estar em 2027 e ser o único humano vivo no planeta. Utilizando o perfil de ‘Único Sobrevivente’, Javier pede ajuda nas redes sociais para poder voltar ao ano de 2021.

FONTE ORIGINAL

Caixa de som com formato de livro para decoração

Caixa de som com formato de livro para decoração

Créditos:Todos direitos de imagens, vídeos e do texto referente a esse artigo estão no final:

Hoje foi anunciado mais um produto da dinamarquesa desenvolvedora de equipamentos de áudio e vídeo, Bang & Olufsen. Através da parceria com a empresa de design britânica Layer, a B&O desenvolveu uma caixa de som sem fio Bluetooth Beoplay Emerge. O produto é extremamente fino e com um acabamento premium utilizando materiais como carvalho, alumínio e tecido de malha.

A inspiração para o formato da nova caixa de som da Bang & Olufsen veio, segundo o fundador da Layer, Benjamin Hubert, do “fator de forma compacto de um livro” para tentar criar uma “estrutura escultural esguia”. O objetivo deste design era criar um formato o mais fino possível sem que houvesse perda de desempenho no som. Desta forma, a Beosound Emerge se tornou um dispositivo compacto que se integra facilmente a qualquer tipo de ambiente dando até um toque a mais de beleza, servindo também como objeto de decoração do lugar.

Caixa de som Bang & Olufsen Beosound Emerge. Fonte: bang-olufsen

Não há como negar que a estrutura da Emerge lembra um pouco a do console da Sony, o PlayStation 5, devido ao seu formato de torre com espessura irregular. É interessante ver também como a caixa de som se mistura a uma estante de livros de forma harmoniosa.

Caixa de som Bang & Olufsen Beosound Emerge. Fonte: bang-olufsen
Caixa de som Bang & Olufsen Beosound Emerge. Fonte: bang-olufsen

Controles e modularidade

Os controles da Beoplay Emerge estão localizados no topo da caixa de som, onde o controle de volume pode ser feito por meio de toque, fazendo movimentos circulares. É interessante notar que o dispositivo possui um design modular e permite acesso fácil ao módulo de conectividade que é substituível, assim como na Beosound Level, permitindo desta forma que o usuário realize atualizações de tecnologia “por muitos anos”.

Caixa de som Bang & Olufsen Beosound Emerge. Fonte: bang-olufsen
Caixa de som Bang & Olufsen Beosound Emerge. Fonte: bang-olufsen

Conectividade

Em termos de conectividade a Beoplay Emerge possui suporte para AirPlay 2 e Chromecast. É possível também utilizar o assistente de voz virtual Google Assistente através dos microfones integrados da caixa de som. Caso o usuário opte por utilizar cabos, há uma porta ethernet e um conector dois em um line-in/óptico.

Alto-falantes

No interior da Emerge encontramos um driver para médios de 37mm angulado junto com um tweeter de 14mm. Além disso, há um woofer de 100mm na lateral responsável pelos graves, como você pode ver na imagem abaixo.

Caixa de som Bang & Olufsen Beosound Emerge. Fonte: bang-olufsen
Caixa de som Bang & Olufsen Beosound Emerge. Fonte: bang-olufsen

Lançamento e disponibilidade

A caixa de som Bang & Olufsen Beosound Emerge será lançada no dia 15 de abril nas cores Gold Tone e Black Antracite pelo valor de US$899 e US$699 respectivamente. A caixa de som estará disponível nas principais lojas de varejo da B&O e no próprio site da marca.

FONTE ORIGINAL

Google Assistente encontra iPhones perdidos e ganha novidade na web | Internet

Google Assistente encontra iPhones perdidos e ganha novidade na web | Internet

Créditos:Todos direitos de imagens, vídeos e do texto referente a esse artigo estão no final:

O Google divulgou nesta quarta-feira (14) algumas novidades para o Google Assistente, sendo que uma delas envolve a localização de um iPhone, iPod Touch ou mesmo iPad perdido. Para funcionar, o usuário precisa ter o aplicativo Home instalado no aparelho, com as notificações habilitadas no sistema operacional móvel da Apple e acesso à internet – seja por plano de dados ou Wi-Fi.

Google Assistente pode buscar iPhone perdido (Imagem: divulgação/Google)

Se você tem um dispositivo com iOS, já deve saber que existe uma ferramenta nativa do sistema operacional para encontrar um iPhone, iPad ou iPod Touch perdido. A partir desta semana, o usuário também poderá utilizar o Google Assistente para a mesma função, ativando o recurso apenas com a voz em uma caixa de som inteligente.

Para funcionar corretamente, a ferramenta precisa estar habilitada dentro do aplicativo Google Home e ter o Voice Match configurado. As notificações para este app não podem estar desativadas nos ajustes do iOS, já que é por este meio que o gigante das buscas vai alertar você sobre o aparelho perdido.

Com estes passos já finalizados, basta pedir para o Google Assistente buscar o dispositivo, dizendo algo como “Encontrar meu iPhone” ou “Onde está meu iPhone?” para um alto-falante inteligente, ou tela com o mesmo recurso.

O Google Assistente então envia uma notificação para o iPhone, iPod Touch ou iPad e ela toca uma espécie de alarme por 25 segundos. Basta tocar na tela para desativar o som, que precisa de alguma conexão com a internet para ser reproduzido. A função de buscar o aparelho funciona mesmo com o dispositivo no silencioso ou modo não perturbe, desde que os alertas críticos estejam ativados.

Usuários dos Estados Unidos e Canadá também podem utilizar o número de telefone vinculado à conta do Google para que o serviço faça uma ligação, caso as notificações não resolvam o problema do aparelho perdido.

Google Assistente pode completar seu pedido

Se você mora nos Estados Unidos, já pode realizar um pedido para retirar comida no estabelecimento e com ajuda do Google Assistente. Disponível inicialmente apenas para smartphones e tablets Android, o usuário precisa buscar pelo nome do restaurante e realizar o pedido diretamente no buscador do próprio gadget.

Quando o pedido estiver completo, o Google Assistente utilizará o Duplex na web para entrar no site do restaurante, preencher os dados sobre o cliente e realizar o pagamento com as informações do Google Pay e que estão sincronizadas com o Chrome Autofill.

Por enquanto a função está disponível apenas para um número pequeno de restaurantes, oferecendo somente a opção de retirada do pedido – também chamada de take away no Brasil.

Outros recursos foram listados neste pacote de novidades, como rotinas para que o Assistente ajuste produtos de casa conectada, como luzes e até mesmo a irrigação automática do jardim, de acordo com variáveis do nascer ou pôr do sol.

Falando nelas, o Google criou uma nova área do aplicativo Home com rotinas sugeridas para tentar aumentar a quantidade de usuários utilizando o pacote de ações automatizadas. A partir de agora, elas poderão até mesmo aparecer em um atalho na tela inicial do Android.

Com informações: Google.

FONTE ORIGINAL