Polícia vai ouvir 5 funcionários de posto sobre perda de vacinas – Notícias

Créditos:Todos direitos de imagens, vídeos e do texto referente a esse artigo estão no final:












A Polícia Civil vai ouvir até esta sexta-feira (19) cinco profissionais da saúde de Igarapé, na região metropolitana de Belo Horizonte, para investigar o que causou a falha no freezer que armanezava 229 doses da CoronaVac. Todo o estoque foi aquecido e, com isso, inutilizado.


A informação foi confirmada pela Secretaria de Estado de Saúde, que também investiga o caso. Um laudo deve apontar as causas do problema em até 30 dias. Segundo o secretário municipal de Saúde de Igarapé, Leonardo Barberá, a prefeitura também apura o ocorrido e tem interesse em saber o que aconteceu.


Além das doses de CoronaVac, o refrigerador guardava 6.397 imunizantes para doenças como febre amarela, HPV, hepatites A e B e antirrábica. Para estas doenças não foi preciso suspender a vacinação, já que o município tinha outro estoque.


No entanto, a aplicação da CoronaVac foi suspensa. O Governo do Estado se comprometeu a repor as doses perdidas até o fim desta semana.


— Estamos preparando uma nova sala de vacinação para covid-19. Vai ter monitoramento 24 horas, além de câmeras.


Falha


O problema no termostato foi identificado por uma funcionária da policlínica. Quando ela chegou ao trabalho, percebeu que um dos três refrigeradores não funcionava e atingiu uma temperatura superior a 36º C. As vacinas que estavam no freezer foram perdidas porque precisam ser mantidas refrigeradas entre 2º C e 8º C.


Nesse equipamento estavam todas as doses de Coronavac disponíveis no município para vacinar idosos com mais de 90 anos e profissionais da saúde. Elas representam 37% dos imunizantes enviados para a cidade até o momento. Igarapé tem cerca de 35 mil habitantes e imunizou, até o momento, apenas 90 pessoas, a maioria profissionais de saúde, de acordo com o Vacinômetro do Governo de Minas.

FONTE ORIGINAL

Veja esses também

Nenhum comentário ainda, adicionar a sua voz abaixo!


Adicionar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *