Paquistão e Afeganistão discutem novo acordo de trânsito e comércio • A Referência

Paquistão e Afeganistão discutem novo acordo de trânsito e comércio • A Referência

Créditos:Todos direitos de imagens, vídeos e do texto referente a esse artigo estão no final:

Os vizinhos Paquistão e Afeganistão iniciaram discussões para um novo acordo de trânsito e comércio nesta segunda (28) na capital paquistanesa, Islamabad.

A meta seria facilitar e priorizar as trocas bilaterais, informou a afegã Tolo News, com informações da agência de notícias chinesa Xinhua. Os dois países têm um acordo em vigor, de 1965, que foi revisado há dez anos.

90Cabul é representada pelo ministro Nisar Ahmad Ghoryani, de Indústria e Comércio, e o enviado do Paquistão é o assessor do primeiro-ministro para Comércio e Investimentos, Abdul Razak Dawood.

Fronteira entre o Paquistão e o Afeganistão, na cidade paquistanesa de Torkham, no oeste do país, em registro de setembro de 2011 (Foto: Wikimedia Commons)

Segundo a Xinhua, que teria conversado com um oficial paquistanês, Islamabad enviou uma proposta de um memorando de entendimento entre as nações.

Para o Afeganistão, sem saída para o mar, uma das questões de maior importância é o uso dos portos de Gwadar, na saída para o Golfo Pérsico, e Bin Qasim, em Karachi. O uso das instalações no Golfo de Omã também seria um pedido de nações da Ásia Central, também sem costa litorânea.

O uso dos portos seria um “gesto de boa vontade” para garantir a proximidade entre os dois países. O Paquistão busca aumentar o fluxo de mercadorias e investimentos rumo ao vizinho e, se as conversas forem positivas, espera-se um acordo em meados de 2021.

O Afeganistão vive mais uma tentativa de pacificação interna entre o governo central e as forças do Taleban, que comandaram a maior parte do território entre 1996 e 2001.

FONTE ORIGINAL

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *