Em Davos, Guterres ressalta papel do setor privado no pós-pandemia • A Referência

Créditos:Todos direitos de imagens, vídeos e do texto referente a esse artigo estão no final:

Este conteúdo foi publicado originalmente na agência ONU News, da Organização das Nações Unidas

O setor privado tem um papel fundamental para ajudar a tirar os países da crise da Covid-19 e da mudança climática. A afirmação é do secretário-geral da ONU (Organização das Nações Unidas), António Guterres.

O chefe da ONU discursou no Fórum Econômico Mundial de Davos, na Suíça, de forma virtual. O evento reúne líderes internacionais dos setores público e privado, além de ativistas e celebridades. 

“Mais que nunca, a comunidade internacional precisa de cooperação para acabar com a fragilidade, evitar a catástrofe climática e construir o futuro justo e sustentável que se precisa”, disse.

Segundo ele, a Covid-19 gerou a pior crise econômica em quase um século, expondo desigualdades e fragilidades dos países. “Chegou o momento da verdade e de colocar o mundo nos trilhos”, pontuou.

António Guterres participa no Fórum Econômico Mundial de Davos, a partir de Nova York, em janeiro de 2020 (Foto: World Economic Forum/Pascal Bitz)

Temas 

Ao falar das vacinas, Guterres afirmou em Davos elas são bens públicos globais. Sobre as mudanças climáticas, o secretário-geral afirmou que o objetivo deste ano é construir uma coalizão global para alcançar a neutralidade de carbono até 2050. 

“Todos os setores devem fazer a sua parte, desde aviação e agricultura até transporte, navegação e indústria”. A pandemia também lançou 131 milhões de pessoas na pobreza, muitas das quais mulheres, crianças e membros de comunidades marginalizadas. 

A crise afetou desproporcionalmente mulheres e meninas, que enfrentaram riscos maiores de pobreza e violência. O grupo representa mais da metade da força de trabalho em setores que foram duramente atingidos por bloqueios, como varejo, hotelaria e turismo. 

Segundo a pesquisa, US$ 12,7 trilhões em medidas de estímulo evitaram um colapso total da economia mundial, mas a grande diferença dessas medidas entre países significa que a recuperação também deve ser diferente.  

ONU: Em Davos, Guterres ressalta papel do setor privado na recuperação da pandemia
Sarah, de 15 anos, ensina crianças em idade de alfabetização em casa durante pandemia na capital do Quênia, Nairóbi, em julho de 2020 (Foto: Unicef/Alissa Everett)

Dívida 

Além disso, o financiamento de pacotes de estímulo aumentou a dívida pública global em 15%, representando um fardo potencial para as gerações futuras, a menos que sejam feitos investimentos para promover o crescimento. 

“A profundidade e gravidade da crise sem precedentes prenunciam uma recuperação lenta e dolorosa”, disse o economista-chefe da ONU e secretário-geral assistente para Desenvolvimento, Elliot Harris, em comunicado.

A medida que o mundo entra em uma longa fase de recuperação, é preciso começar a impulsionar os investimentos de longo prazo que traçam o caminho para uma recuperação mais resiliente, pontuou.

FONTE ORIGINAL

Veja esses também

Nenhum comentário ainda, adicionar a sua voz abaixo!


Adicionar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *