Como trocar Joy-Cons com drift no Brasil [Nintendo Switch] | Jogos

0
12

Como trocar Joy-Cons com drift no Brasil [Nintendo Switch] | Jogos

Créditos:Todos direitos de imagens, vídeos e do texto referente a esse artigo estão no final:

A Nintendo já reconheceu a falha chamada de “drift” em seus controles Joy-Con, do Switch, ao ponto de oferecer troca ou reparo gratuitos nos mercados onde opera. Com a chegada oficial do console ao Brasil, a empresa também passou a oferecer o serviço de maneira mais ampla e acessível por aqui – saiba como trocar ou pedir conserto dos seus Joy-Cons.

Pontos a serem observados

O “Drift” é um problema que faz com que o analógico do Joy-Con mova-se sozinho para alguma das direções. Ele surge sem motivo aparente e o reparo pode ser por substituição de uma peça ou do controle completo.

O conserto ou reparo dos Joy-Cons são oferecidos oficialmente pela Nintendo, mas realizados por uma empresa chamada Deal4B, de maneira oficial, autorizada pela própria Nintendo.

Por ser um problema oficialmente reconhecido pela Nintendo, o reparo é oferecido de graça, desde que o usuário e dono do console e dos Joy-Cons obedeça algumas regras para envio dos acessórios à empresa autorizada.

Controles de Switch fabricados por terceiros, que não sejam oficiais da Nintendo, não são contemplados com o reparo gratuito ou pago por meio deste canal. Para este tipo de acessório é preciso procurar ajuda em outra empresa especializada.

Como trocar ou consertar Joy-Cons

A Nintendo oferece um campo de suporte oficial em seu site para o Brasil, em português. Porém, é possível buscar a ajuda e abrir uma solicitação de reparo direto com o e-mail fornecido pelas empresas responsáveis.

O processo descrito abaixo foi feito com base em minha experiência pessoal e pode mudar a qualquer momento. Tenha em mente que, em caso de dúvidas adicionais, consulte este link oficial para outras informações.

Para solicitar o reparo, siga os passos:

  1. Entre no seu e-mail e escreva para [email protected];
  2. No corpo do e-mail, explique que você tem o problema de Drift nos Joy-Con e peça, com educação, pelo reparo.

Em breve você receberá uma resposta da empresa autorizada, que vai te pedir alguns dados. Normalmente estes dados são:

  • Seu nome completo
  • CPF ou CNPJ
  • Endereço completo de correspondência (com CEP)
  • E-mail ou telefone de contato
  • Modelo e Serial Number do produto com defeito
  • Descrição do defeito
  • Foto ou cópia da nota fiscal
  • Se possível, foto ou vídeo do defeito em anexo ou hospedado no Google Drive/Dropbox/OneDrive

Para obter o Serial Number faça o seguinte:

  1. Ligue o Switch com os Joy-Con conectados;
  2. No Switch, selecione Configurações;
  3. Escolha a última opção, Console/Consola;
  4. Vá em Números de Série;
  5. Anote todos os Serial Number, em especial dos Joy-Con.

Como trocar Joy-Cons com drift no Brasil [Nintendo Switch] / Reprodução / Felipe Vinha

Atente que a resposta pedirá “Foto ou cópia da nota fiscal”, mas este campo não parece ser obrigatório.

No meu caso, o Nintendo Switch foi comprado nos EUA no lançamento, em 2017, e por este motivo não tenho mais a nota fiscal. Contudo, mesmo assim, meu atendimento foi realizado normalmente – e expliquei o motivo de não ter mais a nota.

Porém, caso o usuário ainda tenha a nota guardada, é recomendado que envie na resposta.

Esta foi a foto que enviei dos meus dois pares de Joy-Con com defeito / Reprodução / Felipe Vinha

Esta foi a foto que enviei dos meus dois pares de Joy-Con com defeito

Enviando os Joy-Cons

É possível solicitar o reparo de quantos pares de Joy-Cons o usuário achar necessário, desde que responda todos os pontos corretamente.

Após algum tempo da solicitação você receberá um “Comunicado do Correios”, uma autorização de postagem. Não é necessário imprimir, basta anotar o número ou levar o e-mail salvo no celular.

Como trocar Joy-Cons com drift no Brasil [Nintendo Switch] / Reprodução / Felipe Vinha

Exemplo de comunicado de autorização de postagem do Correios

Com o número em mãos, leve os Joy-Cons na agência de Correios mais próxima e solicite a postagem. Você não pagará nada por isso. Caixa e endereço serão fornecidos pela agência de Correios, caso seja uma agência própria. Se for franqueada será preciso levar sua própria caixa.

Leve também a nota fiscal do produto, se tiver, ou preencha o formulário de declaração de conteúdo do Correios, oferecido neste link oficial.

Não esqueça de preencher o formulário dos Correios

Não esqueça de preencher o formulário dos Correios

Aguardando o retorno

O envio é normalmente feito por SEDEX, uma das modalidades mais rápidas do Correios. A partir disso, basta esperar que os acessórios cheguem ao endereço do reparo e aguardar seu retorno.

Se a empresa julgar necessário, será feita a troca dos controles. Se não, apenas o reparo pode ser realizado.

Há um período máximo de espera de 15 dias para o reparo e reenvio de volta para a casa do usuário. Normalmente os Joy-Cons reenviados virão com o selo da Anatel e uma carta com dicas de como cuidar bem dos aparelhos.

Vale lembrar que tudo descrito aqui foi feito com base na minha própria experiência. Caso ocorra algum problema no processo, trate diretamente com o e-mail da empresa ou no site oficial de suporte da Nintendo.

Um último detalhe a ser lembrado é que, até segunda ordem, os passos descritos acima de “como trocar seus Joy-Cons” contemplam apenas problemas de “Drift” nos controles.

FONTE ORIGINAL

0 0 vote
Deixa sua avaliação aqui
Comentários
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos comentários