Tensão pré-eleitoral deslocou 55 mil na República Centro-Africana • A Referência

0
13

Tensão pré-eleitoral deslocou 55 mil na República Centro-Africana • A Referência

Créditos:Todos direitos de imagens, vídeos e do texto referente a esse artigo estão no final:

Cerca de 55 mil pessoas tiveram de deixar suas casas na República Centro-Africana por conta da violência que antecedeu o pleito deste último domingo (27).

Conflitos entre oposicionistas e partidários do atual presidente, Faustin-Archange Touadéra, tem ocorrido na capital Bangui. Mesmo assim, a eleição ocorreu sem grandes episódios violentos, informou a Al-Jazeera.

A oposição, que inclui o ex-presidente François Bozizé, reclama maior participação no processo eleitoral depois que diversas candidaturas foram rejeitadas pela comissão constitucional ao longo deste ano.

Campo de deslocados na República Centro-Africana, em registro de 2018 (Foto: Herve Serefio/UN Photo)

No total, há 17 postulantes ao cargo de presidente. Espera-se que Touadéra vença a eleição, cujos resultados serão anunciados no fim desta semana.

O principal candidato da oposição, Anicet Dologuele, tem apoio de Bozizé. O ex-presidente, alvo de sanções da ONU (Organização das Nações Unidas) e acusado de crimes contra a humanidade, chegou a anunciar que seria candidato em julho deste ano.

Os oposicionistas haviam pedido o adiamento da eleição, o que foi rejeitado pelo atual governo e pela ONU.

Há temores de que a oposição não aceite o resultado e inicie investidas armadas contra a capital do país. Em todo o território, houve relatos de que militantes estariam atirando próximo às seções eleitorais para afastar a população dos locais de votação.

A líder da coordenação humanitária da ONU no país, Denise Brown, informou ao portal de notícias da entidade que houve ataques às agências que auxiliam a população.

As Nações Unidas têm notícia de ao menos 17 ataques, que envolveram agentes feridos, roubo de ambulâncias e veículos.

Desde a independência, em 1960, a República Centro-Africana convive com um longo histórico de violência e cinco golpes militares.

FONTE ORIGINAL

Deixe uma mensagem para esse post

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui