Spotify agora permite usar letras de música em buscas | Aplicativos e Software

0
11

Spotify agora permite usar letras de música em buscas | Aplicativos e Software

Créditos:Todos direitos de imagens, vídeos e do texto referente a esse artigo estão no final:

O Spotify ganhou uma melhoria para ajudar quem pretende encontrar uma música da qual não lembra o título. Agora, em vez de usar sites de letras de música, é possível ir direto à busca do serviço de streaming e inserir o trecho conhecido. O recurso é parecido ao que já existe desde 2018 para algumas faixa no Apple Music.

A novidade foi revelada por uma desenvolvedora do Spotify. Em sua conta no Twitter, ela indicou que, no Android e no iOS, é possível pesquisar pelo trecho de uma letra de música. Caso encontre algo, o serviço de streaming indicará nos resultados da busca que a faixa foi exibida por conta de uma “correspondência de letra”.

A plataforma não fez um anúncio oficial, nem indicou como o recurso funciona. No entanto, ele parece usar a mesma base que exibe letras de música sincronizadas. Elas voltaram a ser oferecidas em junho para 20 países, incluindo o Brasil, por meio de uma parceria do serviço de streaming com o Musixmatch.

Spotify tem lista de álbuns mais ouvidos

O que foi oficializado pelo Spotify é a lista de álbuns mais ouvidos, que se junta às listas de músicas mais tocadas e mais virais. O serviço começou a compartilhar nesta segunda-feira (5) o ranking dos álbuns mais ouvidos nos Estados Unidos e no mundo. A diferença é que, em vez de aparecerem no aplicativo, elas são divulgadas no Twitter.

Por meio da conta @spotifycharts, a plataforma deve apresentar listas semanais com o que os usuários mais estão ouvindo entre músicas e álbuns. Ainda não há informações sobre o lançamento do recurso no aplicativo, o que também permitiria a exibição de listas de mais ouvidos no Brasil e em outros países.

Com informações: Engadget.

FONTE ORIGINAL

0 0 vote
Deixa sua avaliação aqui
Comentários
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos comentários