Reino Unido avalia ações após mutação do coronavírus – Notícias

Créditos:Todos direitos de imagens, vídeos e do texto referente a esse artigo estão no final:



O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, discutiu com seus principais ministros neste sábado (19) que ação urgente tomar depois que foi confirmado que uma nova cepa do vírus da covid-19 pode se espalhar mais rapidamente e levar a um aumento de casos.



A BBC informou que Londres e o sudeste da Inglaterra serão colocados em um nível mais alto de restrições e que o governo reduzirá uma planejada flexibilização das regras para o Natal, mas não deu mais detalhes.


Johnson concederá uma entrevista coletiva ainda hoje, em que falará quais são seus planos diante de um aumento nas infecções em Londres e no sudeste da Inglaterra, ligadas a uma nova variante mais transmissível do vírus.


O diretor médico da Inglaterra, Chris Whitty, disse que, embora não haja evidências no momento de que a variante do novo coronavírus tenha causado uma taxa de mortalidade mais alta ou impactado as vacinas, um trabalho urgente está em andamento para confirmar isso.


“Alertamos a OMS (Organização Mundial da Saúde) e continuamos analisando os dados disponíveis para melhorar nosso entendimento”, afirmou Whitty em um comunicado.


O Reino Unido registrou 28.507 novos casos de covid-19 na sexta-feira (18) e 489 mortes, com o número de reprodução “R” estimado entre 1,1 e 1,2, o que significa que o número de casos está aumentando rapidamente.


FONTE ORIGINAL

Veja esses também

Nenhum comentário ainda, adicionar a sua voz abaixo!


Adicionar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *