Morte e protestos: fatos que marcaram a última edição do SPFW



O último dia do São Paulo Fashion Week (SPFW) ficou marcado por um acontecimento lamentável. O modelo Tales Catto, de 25 anos, morreu após passar mal e desmaiar durante o desfile da marca Ocksa.
Os motivos da morte ainda estão sendo investigados, mas a suspeita é de que o jovem teve uma “morte súbita sem causa determinante”, conforme aponta o boletim de ocorrência.

De acordo com sua família, o modelo tinha uma vida saudável. Praticava atividades físicas regulares e mantinha uma alimentação balanceada.

Tales iniciou sua carreira como modelo aos 18 anos e tinha planos de expandir seus trabalhos para o exterior.

Outro fato que gerou repercussão foi o desfile do estilista Ronaldo Fraga, que levou para passarela a representação de tiros, sangue e estampou em algumas peças o rosto da ex-vereadora Marielle Franco.

A coleção foi inspirada na pintura Guerra e Paz de Candido Portinari e tinha como objetivo fazer uma releitura da obra mostrando a violência do mundo atual.

No entanto, estilista foi criticado por ter usado o rosto de Marielle em suas obras. Além disso, a família da ex-vereadora disse não ter recebido nenhum tipo de contato prévio para autorizar o uso de sua imagem no desfile de moda.

Após o ocorrido, Anielle Franco, irmã de Marielle, fez um post em sua rede social contando que Ronaldo Fraga entrou em contato com ele e pediu desculpas pela situação. Ele também garantiu que as peças não serão comercializadas.
Catraca Livre
https://www.youtubepp.com/watch?v=ral0ZP6672k

FONTE ORIGINAL DO VÍDEO

Deixe um comentário

ACHADINHOS BARATOS

Esse post pertence a esse canal

ACABOU DE CHEGAR