Luciano Huck conversa com partidos sobre possível candidatura em 2022

Créditos:Todos direitos de imagens, vídeos e do texto referente a esse artigo estão no final:

Virtual candidato à Presidência da República em 2022, Luciano Huck segue trabalhando fortemente nos bastidores para sua possível entrada à política. Na semana passada, por exemplo, ele esteve com o ex-presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ).

Segundo a revista Exame, para o apresentador da Globo era importante ouvir um dos muitos interlocutores que passou a ter na política nos últimos tempos por causa das suas articulações para se lançar candidato ao Planalto no ano que vem.

Na conversa, o global ouviu que o DEM não poderia mais hospedar um projeto antibolsonarista por causa do alinhamento da bancada baiana na vitória de Arthur Lira (PP-AL) na Câmara. A reunião aconteceu dias depois de ACM Neto (DEM-BA) ter uma briga com Maia.

Inclusive, o ex-prefeito de Salvador fez questão de telefonar para o apresentador negando a informação. No domingo (7), o ex-presidente da Câmara queria saber dos planos de Huck e contou para ele as suas duas principais hipóteses quando deixar o DEM.

No entanto, não foi só com Rodrigo Maia que o famoso andou conversando nos últimos tempos. Desde 2018, quando começaram os rumores de uma possível candidatura do artista, ele tem relações explícitas com PSDB, DEM e Cidadania (na época chamado de PPS).

Já nos últimos meses, segundo o jornal O Globo, Luciano Huck também já abriu canal com PSB, Podemos e PSD como possibilidades para 2022. Por enquanto, no entanto, ele até agora não indicou se de fato entrará na política.

O famoso também tem conversado com Marcos Peña, conhecido por ter sido o responsável pela surpreendente vitória de Maurício Macri para a presidência da Argentina em 2016, segundo a colunista Thaís Oyama, do UOL.

O ex-braço direito de Macri esteve no Brasil há duas semanas e se encontrou com o titular do Caldeirão do Huck, no Rio. Em seguida, ele viajou para São Paulo para se reunir com dois colaboradores do apresentador.

Como é sabido, existem muitas coisas envolvidas no processo da possível candidatura de Luciano Huck. Por enquanto, ele aguarda a decisão do ex-juiz Sergio Moro sobre entrar ou não na briga política.

A ideia é que ele encare a disputa caso o ex-ministro de Jair Bolsonaro (sem partido) não comece uma campanha em 2022. A partir disso, Huck terá um novo problema à frente. Ele quer evitar que adversários consigam fazer pegar nele a marca de “candidato da Globo”.

AvatarDa Redação

A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.

FONTE ORIGINAL

Veja esses também

Nenhum comentário ainda, adicionar a sua voz abaixo!


Adicionar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *