iPhone hackeado? Jornalistas da Al Jazeera tiveram celulares invadidos

0
23
sede da al jazeera

iPhone hackeado? Jornalistas da Al Jazeera tiveram celulares invadidos

Créditos:Todos direitos de imagens, vídeos e do texto referente a esse artigo estão no final:

Jornalistas, produtores, âncoras e executivos da Al Jazeera, emissora com sede no Qatar, tiveram seus celulares hackeados neste ano. De acordo com o site do grupo de mídia, um relatório de pesquisadores do Citizen Lab, da Universidade de Toronto, aponta que o spyware Pegasus, desenvolvido pela empresa israelense NSO, infectou os telefones dos 36 funcionários.

Tamer Almisshal, jornalista investigativo da Al Jazeera Arabic, contou que uma investigação foi lançada depois que ameaças de morte foram recebidas em um telefone usado para ligar para ministérios nos Emirados Árabes Unidos.

“Rastreamos o spyware por seis meses e descobrimos que pelo menos 36 funcionários da Al Jazeera foram hackeados. Eles usaram parte do conteúdo que roubaram dos telefones para chantagear jornalistas, postando fotos privadas na internet”, disse Almisshal.

Jornalistas e outros membros da equipe de reportagens da Al Jazeera tiveram seus celulares hackeados este ano. Créditos: Shutterstock

“Esse ataque hacker foi feito por uma técnica chamada de zero-click, onde eles podem acessar câmeras e rastrear o dispositivo. Eles também descobriram que operadores nos Emirados Árabes Unidos e na Arábia Saudita estavam por trás desse hackeamento”, completou o jornalista.

Segundo o Citizen Lab, os ataques parecem ter usado um exploit zero-click para comprometer iPhones através do iMessage, o que significa que os ataques aconteceram sem que as vítimas precisassem fazer nada e deixaram muito menos vestígios quando um dispositivo é infectado.

O relatório aponta que “quase todos os dispositivos iPhone” que não foram atualizados para o iOS 14 parecem ser vulneráveis ao ataque hacker, o que significa que as infecções encontradas são provavelmente uma “fração minúscula” do número total. Dispositivos atualizados para iOS 14 não parecem ser afetados e a Apple está investigando o caso dos iPhones hackeados após o alerta do Citizen Lab.

Al Jazeera acusa NSO

O site da NSO tem um texto que diz que o spyware Pegasus é produzido com o objetivo de permitir que governos “previnam e investiguem o terrorismo e o crime para salvar milhares de vidas em todo o mundo”.

A Al Jazeera, no entanto, afirma que a empresa com sede em Israel já foi ligada a governos que exploram a tecnologia para espionar jornalistas, advogados, ativistas de direitos humanos e dissidentes.

imagem de um iphone hackeado

“A NSO ficou sob os holofotes quando investigações anteriores do Citizen Lab revelaram no final de 2018 que Omar Abdulaziz, um dissidente saudita próximo do jornalista assassinado Jamal Khashoggi teve seu telefone infectado com o software Pegasus da NSO. Pegasus foi usado pelas autoridades sauditas para espionar as comunicações de Abdulaziz com Khashoggi, que foi morto e esquartejado no consulado saudita em Istambul em outubro de 2018”, publicou o site da Al Jazeera.

Tamer Almisshal lamentou: “Um crime contra o jornalismo. Com base nesse spyware, jornalistas foram presos, desapareceram ou até mesmo mortos. Khashoggi é apenas um exemplo. Eles ameaçaram me tornar o novo Jamal Khashoggi”.

Boicote diplomático

Vale lembrar que em junho de 2017 a Arábia Saudita, os Emirados Árabes Unidos, o Bahrein e o Egito impuseram um boicote diplomático, comercial e de viagens ao Catar após acusar Doha de apoiar o “terrorismo” e ter laços com o Irã considerados muito próximos.

Os países que fizeram o boicote emitiram 13 demandas, incluindo o afrouxamento dos laços com o Irã, o fechamento de uma base militar turca no Catar e o fechamento da Al Jazeera Media Network.

O Catar rejeitou veementemente as reivindicações e prometeu manter suas políticas, recusando-se a cumprir quaisquer demandas que minem sua soberania.

Via: Al Jazeera

O post iPhone hackeado? Jornalistas da Al Jazeera tiveram celulares invadidos apareceu primeiro em Olhar Digital.

FONTE ORIGINAL

Deixe uma mensagem para esse post

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui