Estação Espacial recebe suas primeiras geladeiras espaciais

0
7
Estação Espacial recebe suas primeiras geladeiras espaciais

Estação Espacial recebe suas primeiras geladeiras espaciais

Créditos:Todos direitos de imagens, vídeos e do texto referente a esse artigo estão no final:

Alimentar os astronautas a bordo da Estação Espacial Internacional (ISS) é uma tarefa complexa. A base do cardápio são alimentos desidratados (liofilizados), que são reconstituídos usando água quente ou fria antes do consumo. Frutas e verduras frescas são algo esporádico, entregues em pequenas quantidades durante as periódicas missões de reabastecimento feitas por espaçonaves automatizadas ou tripuladas.Pode parecer estranho que uma das instalações científicas mais avançadas na história da humanidade não tenha uma simples geladeira, mas é verdade. Felizmente, para alegria dos astronautas, isso está mudando. A missão Cygnus NG-14, que se acoplou à ISS na última segunda-feira (5), levou ao espaço não só um novo banheiro espacial, como também duas geladeiras que serão usadas exclusivamente para armazenamento de alimentos.Os equipamentos são chamados de FRIDGE, que além da palavra “geladeira” em inglês também é uma sigla para Freezer Refrigerator Incubator Device for Galley and Experimentation (algo como Dispositivo Incubador, Refrigerador e Congelador para a Cozinha e Experimentação). Eles foram desenvolvidos pela BioServe Space Tecnologies na Universidade do Colorado em Boulder, e tem o tamanho de um forno de microondas.Um dos desafios em desenvolver uma geladeira para uso no espaço é o que fazer com o calor. Na Terra, ele pode simplesmente ser irradiado para o ambiente na parte de trás dela. Mas na ISS, sem gravidade, o ar quente não sobe e poderia se acumular no local, causando superaquecimento de equipamentos próximos.Para resolver o problema, o FRIDGE será conectado a um circuito de água fria disponível na estação. “Nao há partes móveis ou ventiladores o que é excelente para a confiabilidade, diz Robin Aaron, estudante de mestrado aeroespacial envolvido no projeto.Uma característica interessante das geladeiras é a faixa de temperaturas na qual podem manter seu conteúdo, que vai de -15 ºC a 48 ºC. Isso porque são baseadas em um equipamento já em uso na ISS chamado SABL (Space Automated Bioproduct Lab, Laboratório Espacial Automatizado para Bioprodutos), que é usado para conservar culturas de células e outros experimentos biológicos.A BioServe construiu oito geladeiras para a Nasa. As duas entregues nesta semana serão reservadas exclusivamente para alimentos e medicamentos. As outras seis serão usadas apenas para experimentos científicos, na refrigeração de materiais que são sensíveis à temperatura.Fonte: UCB

FONTE ORIGINAL

0 0 vote
Deixa sua avaliação aqui
Comentários
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos comentários