Coronavírus foi detectado em base na Antártica; doença agora está presente em todos os continentes

Coronavírus foi detectado em base na Antártica; doença agora está presente em todos os continentes

Créditos:Todos direitos de imagens, vídeos e do texto referente a esse artigo estão no final:

Até então, o novo coronavírus não havia sido identificado em todos os continentes da Terra. No entanto, isso acaba de mudar. Agora, o vírus foi detectado em trinta e seis pessoas que trabalham na Antártica – único lugar do mundo em que não havia casos da doença.

Os indivíduos, que são funcionários da base General Bernardo O’Higgins Riquelme do Chile, foram os primeiros do continente diagnosticados com a doença. Com a confirmação dos infectados, uma notícia de setembro, publicada pela Associated Press, se tornou ultrapassada. Na ocasião, pesquisadores descreveram o continente como uma espécie de “pequena bolha segura”.

De acordo com a Newsweek, os infectados estão divididos em dois grupos. Vinte e seis são membros do exército chileno. Os outros dez são funcionários da área de manutenção, terceirizados pela base O’Higgins – como o local é conhecido popularmente.

Como medida de segurança, todos os infectados foram levados para outro local – Punta Arenas, no Chile – onde estão isolados, mas que, segundo o exército chileno, passam bem. Para substituí-los, uma nova equipe foi enviada à base. Antes de assumirem as funções, todos realizaram testes que tiveram resultado negativo.

Segundo Hanne Nielsen, da Universidade da Tasmânia, apesar de não haver residentes permanentes na Antártica, os grandes grupos de cientistas que trabalham a todo o momento, caso sejam infectados, podem afetar o “planejamento e a logística da atividade humana no continente até a tomada de decisões de alto nível”.

A questão é que, como a Antártica é um continente isolado, longe de qualquer serviço de saúde, os riscos são muito altos. Além disso, há uma preocupação cada vez maior de que a infecção humana possa afetar diretamente a vida selvagem do local.

Mesmo com as vacinas começando a ser disponibilizadas, o turismo é outro fator preocupante, já que, ao que aprece, os serviços de viagens planejam retomar as atividades para a temporada do próximo ano – principalmente em dezembro, quando ocorre um eclipse solar total, fenômeno que deverá ser visto apenas da Antártica.

Via: GizModo

O post Coronavírus foi detectado em base na Antártica; doença agora está presente em todos os continentes apareceu primeiro em Olhar Digital.

FONTE ORIGINAL

Compartilhe esse post:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *