como declarar venda de carro

Créditos:Todos direitos de imagens, vídeos e do texto referente a esse artigo estão no final:

Embora o mais comum seja vender o carro por um preço inferior ao de compra, há alguns casos em que acontece o contrário e o negócio gera lucro. Nesse caso, pode haver cobrança de imposto. Veja a seguir como proceder com venda de veículos na hora de preencher a declaração de Imposto de Renda 2021.

De acordo com o regulamento do IR, um contribuinte só terá que pagar imposto sobre a venda de veículo se tiver ganho de capital, ou seja, se vender o bem por um valor maior do que pagou.

Atenção na venda de carros antigos

Venda de carros com lucro só costuma acontecer nas transações de veículos antigos, cuja precificação segue uma lógica inversa dos modelos mais novos. Ou seja, quanto mais raro (e antigo) o carro, mais caro ele tende a ficar.

Se o contribuinte, por exemplo, tem um carro antigo que estava declarado no IR com o valor de R$ 12 mil e conseguiu vendê-lo por R$ 50 mil (por ser considerado uma antiguidade), ele será tributado por ganho de capital.

O ganho de capital deve ser informado em um programa específico chamado GCAP, disponível no site da Receita Federal. Baixe a versão 2020 se você fez a venda do veículo no ano passado.

Esse programa auxilia o preenchimento da declaração do Imposto de Renda. As informações registradas no GCAP 2020 devem ser exportadas para o programa do IR 2021.

Há isenção de IR para vendas de até R$ 35 mil

Pelas regras de apuração de ganho de capital, o contribuinte pode ficar isento do pagamento de imposto caso o veículo seja vendido por, no máximo, R$ 35 mil. Isto porque não há tributação sobre venda de bem considerado de pequeno valor.

De qualquer forma, mesmo não sendo tributado, o ganho de capital precisa ser declarado, para que a Receita Federal acompanhe a variação do patrimônio do contribuinte.

Como preencher a declaração

Se você não preencher o GCAP 2020, o valor de venda do bem deve ser informado na ficha “Rendimentos Isentos e Não Tributáveis”. Caso use o GCAP, o programa transporta automaticamente o valor para essa ficha

Selecione o código “05 – Ganho de capital na alienação de bem, direito ou conjunto de bens ou direitos da mesma natureza, alienados em um mesmo mês, de valor total de alienação até R$ 20.000,00, para ações alienadas no mercado de balcão, e R$ 35.000,00, nos demais casos”.

Imagem: Reprodução

Em seguida, informe o valor no campo “Valor informado pelo contribuinte”. Clique em “OK” para concluir o preenchimento da ficha.

Se você preencheu o GCAP 2020, para importar as informações para o programa do IR 2021 basta acessar a opção “Importação do GCAP 2020”, disponível dentro da aba “Ganhos de Capital”, localizada no menu do lado esquerdo da tela do programa.

Atualize a ficha de “Bens e Direitos”

Não esqueça de dar baixa do veículo na ficha de “Bens e Direitos”. Ao importar a declaração do IR 2020, os dados do veículo já aparecerão nesta ficha.

IR carro 2 - Reprodução - Reprodução
Imagem: Reprodução

No campo “Discriminação” informe que o veículo foi vendido em 2020, coloque o valor da venda, o nome e o CPF ou CNPJ da pessoa ou loja que comprou. No campo “Situação em 31/12/2020” coloque o valor zero.

UOL Economia+ fará evento para quem quer investir

Entre 23 e 25 de março, o UOL Economia+ e a casa de análises Levante Ideias de Investimento realizarão evento online gratuito.

O economista Felipe Bevilacqua, analista certificado e gestor especialista da Levante, comandará três grandes aulas para explicar ao leitor do UOL como assumir as rédeas do próprio dinheiro. O evento é gratuito para todos os leitores UOL.

Garanta o seu lugar no evento aqui:

Deixe seu e-mail, se inscreva para participar do evento gratuitamente e receba informações sobre investimentos todo dia. Ao clicar em enviar, você concorda com nossa Política de Privacidade.

FONTE ORIGINAL

Recomendado Posts

Nenhum comentário ainda, adicionar a sua voz abaixo!


Adicionar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *