Chevrolet Bolt ganhará update de software para evitar incêndios

Créditos:Todos direitos de imagens, vídeos e do texto referente a esse artigo estão no final:

Em busca de soluções para os incêndios provocados pela bateria do elétrico Bolt, a Chevrolet anunciou na última quinta-feira (18) que vai realizar um recall do modelo em abril, com o objetivo de atualizar o software para uma versão capaz de identificar o problema antes dele ocorrer.

Conforme a montadora, uma equipe de engenheiros fez “progressos substanciais” na identificação da causa dos incêndios na bateria do carro elétrico e definiu soluções potenciais para a falha. No entanto, a companhia não revelou qual seria o causador do problema.

Já em relação à solução, a empresa afirma, em comunicado divulgado no seu site, que está trabalhando em um “software de última geração capaz de diagnosticar problemas potenciais antecipadamente e restaurar 100% da capacidade de carga”, cuja disponibilidade será a partir de abril, provavelmente.

Vários relatos de incêndio na bateria do Bolt EV têm surgido na internet, ultimamente.Fonte:  InsideEVs/Reprodução 

Como solução temporária para evitar novos incêndios na bateria do Bolt EV, a Chevrolet lançou, recentemente, uma atualização que restringe a capacidade de carregamento da bateria do hatch a 90%. A montadora tem recomendado aos proprietários levar o veículo a uma concessionária para atualizar o sistema.

Hyundai deve trocar baterias

Assim como o Chevrolet Bolt EV, a Hyundai também tem enfrentado incêndios no SUV elétrico Kona. Recentemente, a marca asiática comunicou a realização de um recall de 77 mil unidades do automóvel na Coreia do Sul.

Em negociação com o Ministério de Terras, Infraestrutura e Transporte do país, a montadora sul-coreana pode ser obrigada a trocar as baterias de todos os carros convocados, além de estender o recall a outros modelos eletrificados, como o Ioniq PHEV e o Ioniq Electric.

Um problema no separador da célula da bateria fornecida pela LG Energy Solution, causado por falhas durante a fabricação do componente, seria o responsável pelos incêndios. Vale lembrar que a empresa é a mesma fornecedora do elétrico da Chevrolet.

FONTE ORIGINAL

Veja esses também

Nenhum comentário ainda, adicionar a sua voz abaixo!


Adicionar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *