9-1-1: Lone Star – Brian Michael Smith comenta episódio especial para Paul

Créditos:Todos direitos de imagens, vídeos e do texto referente a esse artigo estão no final:

As emoções tomaram conta do último episódio exibido pela Fox de 9-1-1: Lone Star, lançado nesta segunda-feira (22). Nele, os espectadores acompanharam o reencontro de Paul Strickland (Brian Michael Smith) com pessoas importantes de sua família.

Embora seja a primeira vez que o público conheça a mãe do personagem (interpretada por Cleo King) e também sua irmã Naomi (Regina Hoyles), há um entrosamento muito bom entre todos eles. Segundo Brian Michael Smith, houve uma conexão muito forte entre os três desde o primeiro dia de filmagens.

“Me lembrou da minha própria família em casa”, revelou, em entrevista recente ao site TV Line. “Essa série sempre traz pessoas muito maravilhosas para fazer participações e ambas [as atrizes] estavam abertas para esse trabalho”, acrescentou, dizendo que o clima nos bastidores foi bem descontraído.

“Em grande parte do episódio, tratamos da história da nossa família. Acabamos brincando que estávamos filmando nosso próprio spin-off: Strictly Stricklands”, comentou.

(Reprodução/Fox)Fonte:  Fox 

Reencontro de Paul e Naomi mostra a força dramática de 9-1-1: Lone Star

Depois de muitos anos, há um emocionante reencontro entre irmãos visto no episódio 2×6, intitulado como “Everyone and Their Brother” (Todos e Seus Irmãos, em uma tradução livre). O afastamento se deu por conta de diversos sentimentos escondidos e diálogos que nunca aconteceram.

Sobre esse tópico, Brian Michael Smith argumenta que consegue entender o que teria acontecido internamente entre os personagens. “Uma das coisas mais difíceis de se lidar é quando você não é aceito pelas pessoas que espera ser aceito”, afirmou, comentando que já conheceu muitos casos de pessoas transexuais que também passaram por isso.

O ator ainda contou durante a entrevista que muitas coisas presentes nos diálogos entre Paul e Naomi vieram de conversas que ele teve com a equipe de criação da série.

“Uma boa parte dos irmãos têm dificuldade em aceitar quando alguém faz a transição. Eles sentem que estão perdendo alguém, mas o que estão realmente perdendo é a ideia que têm dessa pessoa”, explicou, ressaltando a importância da abordagem do tema na série.

O que achou do episódio desta semana de 9-1-1: Lone Star?

FONTE ORIGINAL

Veja esses também

Nenhum comentário ainda, adicionar a sua voz abaixo!


Adicionar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *