71% dos que aprovam Bolsonaro esperam ser vacinados no primeiro semestre

0
84

71% dos que aprovam Bolsonaro esperam ser vacinados no primeiro semestre

Créditos:Todos direitos de imagens, vídeos e do texto referente a esse artigo estão no final:

Entre os brasileiros que aprovam o governo do presidente Jair Bolsonaro, a maior parte, 71%, acredita que a vacinação contra a covid-19 começa ainda no primeiro semestre de 2021. A confiança é maior na parcela de apoiadores do presidente. Entre os que desaprovam o governo, 67% acreditam que a imunização deve começar até junho, e entre aqueles que nem aprovam e nem desaprovam, o otimismo é de 69%.

Os dados são da última pesquisa exclusiva EXAME/IDEIA, projeto que une EXAME Research, braço de análise de investimentos da EXAME, e o IDEIA, instituto de pesquisa especializado em opinião pública. O levantamento ouviu 1.200 pessoas entre 14 e 17 de dezembro. A margem de erro é de três pontos percentuais para mais ou para menos. Clique para acessar o relatório completo.

Nos números gerais da pesquisa, mesmo sem ter uma data exata para o início da vacinação contra a covid-19, 69% dos brasileiros acreditam que a imunização vai começar no primeiro semestre de 2021. Uma parcela menor (25%) considera que só terá uma campanha de imunização no segundo semestre, e 3% acham que somente em 2022.

“Quase 70% esperam receber a vacina ainda no primeiro semestre. Nesse grupo a maioria aprova o governo federal. Portanto, vale acompanhar a correlação entre a expectativa da vacina e avaliação presidencial em 2021”, diz explica Maurício Moura, fundador do IDEIA.

Nessa mesma rodada da pesquisa EXAME/IDEIA, a aprovação do governo do presidente Jair Bolsonaro se manteve em 35%, mesmo número registrado no começo de dezembro. Já a desaprovação caiu de 38% para 37%, oscilando dentro da margem de erro, que é de três pontos percentuais para mais ou para menos. Aqueles que nem aprovam e nem desaprovam somam 26%.

FONTE ORIGINAL

Deixe uma mensagem para esse post

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui