DICAS DE MULHER

7 benefícios + dicas e receita desse chá incrível

iStock

Por Isla Ramos
                               
Em 15.05.21

Feito de folhas e brotos jovens, o chá branco é reconhecido por suas vantagens. Pensando nisso, conversamos com a nutricionista Maiara Souza (CRN 914273), nutricionista da Clínica Geisa Costa (Uberaba/MG), formada pela Universidade Federal do Triângulo Mineiro (UFTM) e mestre em Ciências da Saúde pela mesma instituição, que falou mais sobre os benefícios, como fazer o chá e as contraindicações. Acompanhe!

Continua após o anúncio

O que é o chá branco

Esse chá é produzido com a infusão da Camellia sinensis, uma planta consumida também em outros chás pelos brasileiros, e que foi popularmente difundida na China, Japão e Índia. “O chá branco não é um mix de chás, e sim o chá feito de folhas retiradas da Camellia sinensis, muito conhecida por também ser a origem do chá verde. A diferença é que o chá branco é feito a partir de folhas ‘jovens’ e não fermentadas da Camellia sinensis. E são minimamente processadas sendo cozidas e levadas à secagem”, esclareceu Maiara.

7 benefícios do chá branco para incluí-lo no seu dia a dia

De acordo com Maiara, os benefícios do chá branco, em sua maioria, vêm da capacidade antioxidante, especialmente pelos polifenóis – auxiliando no combate aos radicais livres, além de outros benefícios. Veja na sequência:

  • Previne o envelhecimento da pele: esse benefício do chá branco é por conta dos antioxidantes presentes na bebida.
  • Diminui as taxas de colesterol ruim: as taxas de LDL, mais conhecido como colesterol ruim, apresentam diminuição devido às propriedades do chá branco.
  • Ajuda a prevenir as doenças cardiovasculares: “diminui o risco de doenças cardiovasculares, pois o estresse oxidativo é menor. E também há menos chances de desenvolver doenças cardiovasculares, desde que você tenha bons hábitos de vida, como praticar atividade física, e ter uma alimentação equilibrada, além de acompanhamento médico”, apontou a nutri.
  • Reduz o risco de desenvolvimento de artrite reumatoide: isso principalmente por conta das propriedades anti-inflamatórias encontradas no chá branco.
  • Diminui os triglicerídeos no sangue: o consumo do chá branco ajuda a diminuir e a controlar os níveis de triglicerídeos no sangue, por ajudar na degradação da gordura.
  • Auxilia na redução do risco de alguns tipos de câncer: “reduz o risco de desenvolvimento de alguns tipos de câncer, por prevenir mutações no DNA”, esclareceu Maiara.
  • Combate os radicais livres: ajudando a prevenir doenças neurodegenerativas.

Mesmo que consumir o chá branco proporcione benefícios, ele e nenhum outro alimento faz milagres, como ressalta a nutricionista: “vale lembrar que o chá branco – ou qualquer outro alimento – não pode ser designado como específico para resolver um problema. Por exemplo: consumir o chá vai resolver seu problema de colesterol. Esse pensamento é um dos maiores problemas em consultório de nutrição atualmente, pois reforça péssimos hábitos alimentares que fazem muitos acreditarem que tudo pode ser resolvido, por exemplo, tomando um litro de determinado chá ou comendo um determinado alimento”.

Como fazer chá branco

Anote aí a receita da nutricionista! Você vai precisar de 1 colher de sopa de chá branco (folha seca) para 300 ml de água. O passo a passo também é supersimples:

  1. Esquente a água e, para isso, a nutricionista deu uma dica: “sabe quando as bolinhas começam a formar no fundo do recipiente que está usando para ferver água? Esse é o ponto ideal. Evite usar a água fervente borbulhante para não ‘queimar’ o chá”;
  2. Em seguida, coloque a erva dentro e deixe em infusão por 5 minutos;
  3. Coe e consuma após 5 minutos. Mesmo se você for consumir mais tarde, é importante coar antes de reservar a bebida.

De acordo com Maiara, para deixar o chá mais saboroso, combine-o com canela, gengibre ou, até mesmo, bata-o no liquidificador com gelo, hortelã e limão para uma alternativa mais bem refrescante!

Contraindicações e cuidados com o chá branco

Segundo a nutricionista. “nenhum exagero é recomendado, independentemente de quão benéfico seja o produto. É recomendado a ingestão de até duas xícaras de chá por dia. Apesar de ter menos cafeína que o chá verde, ainda contém cafeína e é contraindicado para gestantes e lactantes, pessoas com insônia, hipertensos e úlcera gástrica”.

Além disso, a nutricionista explica que os chás, mesmo sendo líquidos, não contam como ingestão de água. Por isso, uma ingestão aumentada de chá pode ser prejudicial à ingestão diária recomendada de água e, consequentemente, comprometer a hidratação.

Continua após o anúncio

Outra observação é não tomar chás com refeições ricas em cálcio, como leite e derivados, e nem ricas em ferro, como carnes e leguminosas. Isso porque tomar chá e consumir esses alimentos atrapalham a absorção dos minerais.

Além do chá branco, também há motivos para amar o chá verde, uma opção com propriedades incríveis para a saúde!

As informações contidas nesta página têm caráter meramente informativo. Elas não substituem o aconselhamento e acompanhamentos de médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas.

Esse conteúdo pertence ao site:

Site: www.dicasdemulher.com.br

Para qualquer dúvida, sugestão, reclamação ou denúncias, envie um e-mail para:

contato@imoveweb.com.br

FONTE ORIGINAL

Mostrar mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Para continuar navegando nesse site, DESATIVE o seu sistema de bloqueio de propagandas, o nosso site se mantêm com elas, porém nada de abuso na exibição, prometo que sua navegação será LIVRE sem incômodos. Obrigado pela visita :)