5 coisas que você precisa saber para proteger seu patrimônio com ouro

0
5

5 coisas que você precisa saber para proteger seu patrimônio com ouro

Créditos:Todos direitos de imagens, vídeos e do texto referente a esse artigo estão no final:

Visto pelo mercado como um escudo contra os chamados riscos sistêmicos, o ouro reluz como alternativa para os investidores na hora de diversificar e proteger suas carteiras. Neste ano, o metal registrou uma valorização de quase 30%, ganhando ainda mais evidência. “O ouro é uma alternativa muito importante para criar mecanismos de proteção em momentos de estresse no mercado”, diz o educador financeiro André Bona.

O especialista explica que, por se tratar de um bem que não pode ser fabricado, o ouro não está sujeito a intervenções do governo, o que significa que sua cotação costuma ter mais estabilidade em relação a outros ativos, como títulos do Tesouro. “O ouro é um metal físico. Não é como uma empresa que está produzindo e agregando valor. Tanto é que o investimento em ouro não gera mais ou menos gramas. O investidor continua tendo a mesma quantidade. O que muda é apenas o valor, de acordo com a situação de mercado”, diz ele.

A seguir, Bona e José Lucio Barroso Nascimento, managing director partner de asset management do BTG Pactual, explicam o que é importante saber antes de investir nesse ativo.

Por que investir em ouro?

Além de ter uma correlação negativa em relação às oscilações das bolsas de valores, o ouro tende a valorizar em períodos de crise. Acaba, portanto, sendo usado por investidores como hedge, ou seja, um mecanismo de proteção de carteira. “Como não atua na mesma direção do mercado financeiro, o ouro funciona como contrapeso em momentos de maior volatilidade”, explica Bona. “Em períodos de crise e incerteza, o investidor que tem esse metal em sua carteira acaba tendo um amortecimento dos efeitos negativos de queda.”

FONTE ORIGINAL

0 0 vote
Deixa sua avaliação aqui
Comentários
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos comentários