1º de janeiro, por que o ano novo começa neste dia?

Créditos:Todos direitos de imagens, vídeos e do texto referente a esse artigo estão no final:

O Ano Novo do calendário gregoriano, que é utilizado até os dias atuais, cai em 1º de janeiro (feriado universal), mas tendo início na véspera, com festas e outras tradições. O mesmo acontecia tanto no antigo calendário romano quanto no calendário de Júlio César, que o sucedeu.

A ordem dos meses era de janeiro a dezembro no antigo calendário romano, e que permanece até então. Muitos países, como Brasil, República Tcheca, Itália, Espanha, Reino Unido e Estados Unidos, marcam o dia 1º de janeiro como feriado nacional.

Contudo, durante a Idade Média, na Europa ocidental, enquanto o calendário juliano ainda estava em uso, as autoridades mudaram o dia de ano novo de várias maneiras, dependendo do local, para vários outros dias. O ano novo chegou a ser celebrado em 1° de março, 25 de março, 1° de setembro e 25 de dezembro. Além disso, muitos outros calendários foram usados em diferentes partes do mundo. Por conseguinte, alguns desses calendários contam os anos numericamente, enquanto outros não.

Como foram as primeiras festas de ano novo?

Fonte: Pexels

Historicamente, as primeiras festividades em homenagem à chegada de um novo ano datam de cerca de 4.000 anos, na antiga Babilônia. Para os povos babilônios, a primeira lua nova após o equinócio de outono, anunciava o início de um novo ano. Desse forma, eles celebravam a ocasião com um grande festival religioso chamado Akitu. O evento era marcado por diversas tradições e rituais diferentes em cada um dos seus 11 dias de duração.

Todavia, com o passar do tempo, diversas civilizações ao redor do mundo desenvolveram calendários cada vez mais sofisticados, normalmente atribuindo o primeiro dia do ano a um evento agrícola ou astronômico. No Egito, por exemplo, o ano começou com a cheia anual do Nilo, que coincidiu com o surgimento da estrela Sírio. O primeiro dia do ano novo chinês, por sua vez, ocorreu com a segunda lua nova após o solstício de inverno.

Como o ano novo passou a ser celebrado no dia 1º de janeiro?

1o de janeiro por que o ano novo comeca neste dia 1
Fonte: Pexels

Incialmente, o calendário romano tinha 10 meses e 304 dias. Desse modo, cada novo ano começava após o equinócio de outono. Com o passar dos séculos, o calendário deixou de ser baseado na posição do sol. Foi em 46 a.C. que o imperador Júlio César decidiu resolver o problema consultando os astrônomos e matemáticos renomados da época. Como resultado, ele introduziu o calendário juliano, que se parece muito com o calendário gregoriano mais moderno utilizado na maioria dos países, nos dias de hoje.

Foi assim que Júlio César instituiu o feriado do dia 1º de janeiro como o primeiro dia do ano, inclusive, para homenagear Janus, o deus romano do passado e do futuro. Nessa época, os romanos celebravam a passagem do ano, oferecendo sacrifícios a Janus, trocando presentes uns com os outros, bem como decorando suas casas e participando de festas duradouras. Na Europa medieval, os líderes cristãos substituíram temporariamente o dia 1º de janeiro como o primeiro do ano por dias de maior significado religioso. Entre eles: 25 de dezembro (data que marca o nascimento de Jesus) e 25 de março (festa da Anunciação). Foi somente em 1582, que o Papa Gregório XIII restabeleceu o dia 1º de janeiro como o feriado do dia de Ano Novo.

Quais as tradições que marcam a virada do ano?

1º de janeiro: por que o ano novo começa neste dia?
Fonte: Pexels

As celebrações de Ano Novo em grande parte do mundo, começam na véspera de ano novo ou seja, na noite de 31 de dezembro. Cada cultura tem uma série de crenças e superstições para trazer boa sorte ao ano que se inicia. Por exemplo, em alguns países da Europa, é comum as pessoas comerem uma dúzia de uvas, pouco antes da meia-noite, simbolizando suas esperanças para os 12 meses que virão. Outras comidas tradicionais do Ano Novo que são consideradas ‘amuletos da sorte’, em vários países, incluem: lentilhas, feijão fradinho, carne de porco, pudim de arroz com uma amêndoa escondida e nozes.

Outra tradição comum em todo o mundo são os fogos de artifício e os shows com música para dar boas-vindas ao novo ano. Nos países litorâneos, as pessoas costumam assistir aos fogos nas praias. Além disso, nos países sul-americanos normalmente, os foliões vestem roupas brancas, simbolizando a paz que elas desejam para o ano novo. Já nos Estados Unidos, a tradição mais icônica do Ano Novo é jogar uma bola gigante na Times Square à meia-noite. Milhões de pessoas em todo o mundo assistem ao evento, que ocorre quase todos os anos desde 1907.

Então, quer saber mais curiosidades e tradições sobre o ano novo? Clique e confira: 5 simpatias de ano novo para atrair prosperidade, sorte e dinheiro

Fontes: Calendarr, R7, G1, El País

Fotos: Pexels

FONTE ORIGINAL

Veja esses também

Nenhum comentário ainda, adicionar a sua voz abaixo!


Adicionar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *