10 Hábitos equivocados de higiene pessoal que você pode evitar

Créditos:Todos direitos de imagens, vídeos e do texto referente a esse artigo estão no final:

Às vezes nos questionamos como as pessoas sobreviviam sem a Internet e sua infinidade de dicas de cuidados pessoais. Muitas vezes, esbarramos em um conselho de higiene precioso e não temos ideia de como nunca pensamos nisso antes. Se você já pensou o mesmo, então vai adorar conhecer mais uma seleção de boas indicações para adotar em sua rotina hoje mesmo!

Incrível.club está sempre atento às novidades sobre como podemos melhorar nossos hábitos e, dessa vez, vamos desmistificar alguns erros de higiene que podemos cometer. Confira!

1. Enxaguar a boca após a escovação

Alguns dentistas dizem ser muito melhor para nossos dentes se cuspirmos a pasta de dentes após a escovação, porque isso nos ajudará a reter o melhor do creme dental — o flúor. Ao fazermos gargarejos com água e enxaguarmos completamente a boca, diminuímos seus efeitos preventivos, portanto, estamos mais sujeitos à cárie dentária.

2. Não limpar sua escova de cabelos

Nossas escovas de cabelo são um enorme terreno fértil para as bactérias, então, é recomendado lavá-las a cada duas semanas. Considerando que costumamos usar a escova de cabelo todos os dias, é terrível pensar sobre quanto tempo ficamos sem lavá-las adequadamente. Um shampoo comum poderá fazer o trabalho de limpeza em nossas escovas.

3. Guardar as toalhas no banheiro

As toalhas podem ser contaminadas com extrema facilidade no banheiro. Por exemplo, dar a descarga com a tampa aberta, borrifar algum produto em spray e a umidade podem contribuir para o aumento de bactérias nas suas toalhas de banho, aparentemente frescas e macias. Aconselhamos a guardá-las em um armário em outro ambiente; assim, você evita transtornos, como algumas doenças.

4. Tirar completamente os pelos do nariz

Frequentemente costumamos associar os pelos corporais à algo anti-higiênico, mas no caso do nosso nariz, não existem benefícios em removê-los. Eles retêm poeira e outros alérgenos que podem entrar nos pulmões. Então, a menos que os pelos estejam saindo do nariz, não os retire. Faça apenas uma limpeza superficial.

5. Lavar suas mãos com água quente

Crescemos acreditando que água quente combate melhor os germes, mas não há diferença entre a água quente e a fria na hora de lavarmos as mãos. A água deveria estar em torno de 100 ºC para realmente combater as bactérias! Além disso, a água quente pode ser agressiva à pele, o que pode deixar as mãos secas. Basta lavá-las por mais tempo, ao invés de usar a água quente.

6. Cortina de chuveiro muito longa

As dobras da cortina de seu banheiro são o lugar preferido das bactérias que gostam de umidade. Muitas vezes, fechamos a cortina para deixá-la esticada e secando após o banho, mas esquecemos da barra encostando no chão. Certifique-se de tê-la a uma altura em que não toque o chão, acima do piso do banheiro, e o problema estará resolvido.

7. Usar desodorante logo após o banho

Muitos de nós passamos o desodorante assim que saímos do banho para prevenir instantaneamente qualquer odor, mas dessa maneira não estaremos contribuindo para isso. Passe o desodorante somente se sua pele estiver perfeitamente seca, ou seu desodorante não terá um bom desempenho. Seja paciente e, como resultado, conseguirá se livrar dos odores causados pelo suor.

8. Lavar seu corpo com uma bucha

Talvez você já tenha ouvido falar que é preciso trocar a bucha frequentemente, porque ela pode ser um atrativo para os germes do seu banheiro. Então, é melhor optar por uma escovinha de silicone. Ela não costuma ser porosa, por isso, é mais fácil mantê-la limpa, além de não acumular bactérias. Sem contar que durará muito mais e será mais suave com a pele por suas propriedades hipoalergênicas.

9. Limpar o banheiro em temperatura ambiente

Você se surpreenderá com a diferença se pré-aquecer o banheiro com antecedência. A temperatura mais elevada tornará os seus produtos mais eficazes e a lavagem geral muito mais fácil. Basta ligar o chuveiro a uma temperatura alta e deixar seu banheiro quente, antes de lavá-lo.

10. Não usar chinelos em um banheiro público

O chão é a superfície mais suja no banheiro, mesmo em sua casa. Agora, imagine como não deve ser em uma academia ou um hotel… Trememos só de pensar em tocar com a ponta do pé no piso desses lugares. Os médicos especialistas alertam para a possibilidade de haver inúmeros germes, então, não deixe de levar chinelos de banho se você sabe que pode precisar deles ao tomar banho fora de casa.

Algum desses hábitos faz parte da sua rotina? Você conhece alguma dica de mudança de hábitos para manter você e sua casa, completamente limpos? Compartilhe-a conosco!

FONTE ORIGINAL

Veja esses também

Nenhum comentário ainda, adicionar a sua voz abaixo!


Adicionar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *