10 Celebridades que tiveram filhos deficientes e conheceram ainda mais formas de demonstrar amor e afeto

Créditos:Todos direitos de imagens, vídeos e do texto referente a esse artigo estão no final:

Criar um filho deficiente pode trazer situações desafiadoras, mas os pequenos costumam trazer consigo inúmeros punhados de felicidade e alegria. As dificuldades que a vida apresenta são inevitáveis mas, ao mesmo tempo, ela também apresenta um mundo de amor e carinho sem limites. Algumas celebridades sabem bem do que estamos falando, e se elas têm algo de sobra é conhecimento sobre o tema para compartilhar com todos nós.

Com este post, o Incrível.club apresenta 10 famosos e seus filhos, esperando que suas histórias coloquem um sorriso em seu rosto, assim como aconteceu com a gente.

1. Caterina Scorsone

Canadense e estrela de Grey’s Anatomy, ela tem uma filhinha linda chamada Paloma, que é presença frequente nas redes sociais da atriz de 39 anos. Paloma nasceu com síndrome de Down, e desde sua chegada, em 2016, Caterina vem atuando para estimular na sociedade o conhecimento a respeito da condição.

Em suas entrevistas, Caterina faz declarações impactantes sobre a filha, que é chamada pela mãe de Pippa. “A Pippa é diferente. Assim como você e eu. Ela tem necessidades específicas para a forma como seu corpo foi criado. Eu também tenho necessidades específicas para meu corpo. Acontece com todos nós”. A atriz admitiu ter se assustado no começo, já que não sabia nada sobre a síndrome. Mas com o tempo, Caterina percebeu que Pippa acendeu uma chama em sua vida e na de toda a família.

2. Amanda Booth

Modelo, mãe e ativista, Amanda Booth vem trabalhando em prol de uma mudança mais que necessária na mídia e na indústria da moda. Isso graças à inspiração dada por seu filho, Micah, que tem síndrome de Down e autismo. Amanda diz ter começado a sentir essa necessidade de fazer alguma coisa logo após o parto do filho. “Comecei a perceber, quando ia trabalhar, que sempre havia bebês nos castings. Então eu pensava: ’por que ninguém está querendo meu bebê nesses castings?’”, recorda.

Amanda afirma que uma das coisas que mais gosta em Micah é de sua capacidade de identificar a bondade nas outras pessoas. Ela conta que o garoto é capaz de fazer florescer o lado bom de qualquer pessoa que estiver em sua presença. Amanda dá duro para fazer o mundo enxergar a beleza da diversidade, e não hesita na hora de tirar as dúvidas das pessoas quanto à condição de Micah. Ela está sempre pronta para explicar os motivos quando seu filho adota comportamentos repetitivos ou não age como as outras pessoas, e ela faz isso de boa vontade para qualquer pessoa que se interessar.

3. Toni Braxton

Toni deu à luz seu segundo filho, Diezel, em 2003. Aos 3 anos, ele foi diagnosticado com autismo. A cantora não encarou a notícia de forma negativa, passando a lutar em favor do filho. Ela pesquisou sobre como estimular o desenvolvimento e a aprendizagem no garoto, e em 2016, fez um anúncio surpreendente para o público.

Tony afirmou que o filho, então com 13 anos, havia deixado de apresentar características de autismo e se recuperado completamente. A cantora descreveu Diezel como uma “borboleta social”, afirmando que a melhora na condição do jovem foi possível graças à sua dedicação intensa, ao trabalho árduo, aos programas especiais para crianças com autismo e ao que ela aprendeu na fundação Autism Speaks.

Hoje, Diezel Braxton é um modelo requisitado, tendo assinado contrato com uma das maiores agências do mundo. No Instagram, ele vem ganhando a popularidade de um verdadeiro astro.

4. Sylvester Stallone

Ao ouvir o nome Sylvester Stallone, muita gente pensa em Rocky, aquele cara durão com um coração mais duro ainda. O filho de Sylvester, Seargeoh, foi diagnosticado com autismo ainda bem cedo, e o ator falou o seguinte sobre a situação: “Precisamos aceitar o Seargeoh do jeito que ele é, e entender que esse jeito é apenas mais quieto e reservado”. Seargeoh apareceu no filme Rocky II: A Revanche, como o filho recém-nascido do protagonista.

5. Katie Price

Katie Price é uma bela e bem-sucedida modelo, além de ser mãe. Seu filho, Harvey, nasceu em 2002, e foi diagnosticado com autismo, cegueira e síndrome de Prader-Willi. Uma das mais preocupantes características da condição é que a criança não tem a capacidade de dizer quando está satisfeita, e continua se alimentando mesmo quando já não precisa mais. O quadro tende a provocar obesidade e diabetes tipo 2, que por sua vez, também acarretam efeitos colaterais.

Mas Katie tem encarado todos os desafios ao lado do filho, e ela já foi ao Instagram, toda orgulhosa, para dizer: “Tenho observado você crescer e virar um homem lindo. Meu urso Harvey, eu te amo, eu não te trocaria nem pelo mundo inteiro”.

6. John McGinley

O famoso ator John McGinley tem um filho chamado Max que tem síndrome de Down. Ativista envolvido com trabalhos para conscientizar as pessoas em favor dos portadores da mesma condição, John recebeu o prêmio Foundation’s Quincy Jones Exceptional Advocacy Award por sua atuação em iniciativas voltadas às pessoas com síndrome de Down e a outras deficiências em geral.

Em uma entrevista, o ator explicou como é ter um filho com necessidades especiais: “Nos primeiros meses, senti como se minha cabeça tivesse sido atingida por um martelo cósmico… E aí cedo ou tarde você precisa fazer alguma coisa, precisa encarar o que tem de fazer por aquela vida. Pelo Max. ’Você tem de fazer algo por mim, pai. Supere seus problemas, pai, eu estou aqui’”.

7. Colin Farrell

O filho de Colin Farrell, James, sofre de uma condição genética chamada síndrome de Angelman. A condição costuma provocar movimentos bruscos. Colin já trabalhou bastante em favor de uma fundação dedicada a pesquisar a doença. “Quando você é pai de uma criança com necessidades especiais, é importante saber que não está só”, afirma. Foi por esse motivo que ele começou a trabalhar com a fundação.

8. Christopher Gorham

Astro de Betty, A Feia, Christopher Gorham tem um filho chamado Lucas que foi diagnosticado com síndrome de Asperger quando tinha cerca de 9 anos. “É chato ouvir alguém dizer que há algo de errado com seu filho”, revelou ao comentar a condição da criança. “Ao mesmo tempo, é um alívio saber o que há de errado para que você possa começar a agir para ajudar seu filho”.

Christopher percebeu que Lucas estava ficando para trás em relação aos colegas do segundo ano, e foi aí que eles se viram obrigados a encarar os fatos. Desde então, ele e a esposa têm se dedicado ao tratamento do garoto. Ele diz que hoje compreende os pais de crianças com defeiciências, pois ele próprio está passando por inúmeras mudanças e episódios estressantes. Porém, o ator enxerga o desafio com bons olhos, enquanto a esposa, em suas palavras, vem se revelando uma verdadeira heroína ao lidar com a situação.

9. Gary Cole

O ator Gary Cole começou a suspeitar que a filha, Mary, tinha deficiência com 2 anos. “Ela não processava informações como eu e você fazemos, e não entendia as regras sociais”, relembra. Mary foi diagnosticada com autismo, mas tem uma vida normal. Ela foi submetida ao tratamento adequado e contou com um assistente pessoal, responsável por ajudá-la nos ensinos fundamental e médio, cursados na Califórnia. O conselho de Gary para pais com crianças deficientes é: “Procure respostas, quanto mais cedo, melhor”.

10. Jenny McCarthy

Quando Evan, seu filho, foi diagnosticado com autismo, Jenny McCarthy conta que o garoto deixou de falar e passou a ignorar o mundo a sua volta. E é isso, segundo Jenny, que as crianças com essa condição mais costumam fazer — elas se trancam em si mesmas. Apesar disso, ela resolveu se dedicar ao máximo para ajudá-lo na recuperação e passou a procurar tratamentos.

Uma das coisas que ela fez foi mudar os hábitos alimentares da família. Além disso, apostou em modelagem em vídeo e em terapia específica para ensinar o filho a se divertir com brinquedos. E no fim das contas, o espírito guerreiro da mãe realmente ajudou Evan. De acordo com Jenny, o garoto fez grandes avanços. “Ele está indo muito bem” conta. “Ele é considerado recuperado”.

Quanto um filho pode mudar a sua vida? Acredita que as crianças são capazes de nos tornar adultos melhores? Comente!

FONTE ORIGINAL

Recomendado Posts

Nenhum comentário ainda, adicionar a sua voz abaixo!


Adicionar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *